RECOMENDE O BLOG FILOPARANAVAI PARA SEUS AMIGOS NO FACEBOOK

    sábado, 10 de maio de 2014

    HOMOFOBIA, DIGA NÃO! UMA LIÇÃO DE HUMANIDADE POR MEIO DA MÚSICA, "SAME LOVE"


    MAIO, TODOS CONTRA A HOMOFOBIA! 

    "[...] Gay é sinônimo de inferioridade. É o mesmo ódio que causou guerras por culpa de religião. De gênero, de cor da pele. [...] Quando eu estava na igreja [...] Se você prega o ódio no sermão, aquelas palavras não são ungidas. E a água benta em que você mergulha, é então envenenada. [...] Em vez de lutarmos pelos seres humanos que tiveram seus direitos roubados..."  

    ASSISTA DO FESTIVAL GRAMMYS 2014, UMA LIÇÃO DE HUMANIDADE POR MEIO DA MÚSICA, "SAME LOVE", Composição: Ben Haggerty / Macklemore / Mary Lambert / Ryan Lewis:
     

    TRADUÇÃO DE "SAME LOVE" Mesmo Amor 


    Quando eu estava na terceira série
    Eu achava que eu era gay
    Porque eu sabia desenhar, porque meu tio era
    E eu mantinha meu quarto arrumado
    Eu contei a minha mãe, com lágrimas rolando por meu rosto
    Ela disse: "Ben, você ama meninas desde antes do jardim de infância"
    Viajando, é, acho que ela tinha razão, não é?
    Um monte de estereótipos na minha cabeça
    Lembro-me de raciocinar, tipo:
    "Sim, eu sou bom na liga de beisebol"
    A ideia preconcebida do que tudo aquilo significava
    Que aqueles que gostavam de pessoas do mesmo sexo tinham as características
    Os conservadores de direita acham que é uma decisão
    E você pode ser curado com algum tratamento e religião
    Feito pelo homem, refazendo uma pré-disposição. Brincando de deus
    Oh, não, lá vamos nós
    América, a valente, ainda teme o que não conhecemos
    E que Deus ama todos os seus filhos é esquecido
    Mas nós parafraseamos um livro escrito 3.500 anos atrás

    Eu não sei 

    [REFRÃO] 
    E eu não posso mudar
    Mesmo se eu tentasse
    Mesmo se eu quisesse
    E eu não posso mudar
    Mesmo se eu tentasse
    Mesmo se eu quisesse
    Meu amor, meu amor, meu amor
    Ela me mantém aquecida

    Se eu fosse gay, eu acharia que o hip-hop me odeia
    Você já leu os comentários do YouTube recentemente?
    "Cara, isso é gay" É dito diariamente
    Nos tornamos tão entorpecidos com as palavras que dizemos
    Uma cultura fundada a partir de opressão
    Ainda não temos aceitação para com eles
    Chamamos uns aos outros de bicha
    Por trás das teclas de um fórum
    Uma palavra enraizada no ódio
    Mas nossa espécie ainda ignora isso
    Gay é sinônimo de inferioridade
    É o mesmo ódio que causou guerras por culpa de religião
    De gênero, de cor da pele. A quantidade de seu pigmento
    A mesma luta que levou as pessoas a guerrear e manifestar
    Direitos humanos para todos, não há diferença
    Viva! E seja você mesmo!
    Quando eu estava na igreja, eles me ensinaram algo diferente
    Se você prega o ódio no sermão, aquelas palavras não são ungidas
    E a água benta em que você mergulha, é então envenenada
    Quando todo mundo fica mais confortável continuando calados
    Em vez de lutarmos pelos seres humanos que tiveram seus direitos roubados
    Eu posso não ser o mesmo, mas isso não é importante
    Nenhuma liberdade até que sejamos iguais
    Pode ter certeza que eu dou meu apoio!

    Eu não sei
    [REFRÃO]
    E eu não posso mudar... 
     

     

    Vamos apertar o play, não aperte pause
    Progrida, marche em frente!
    Com o véu sobre nossos olhos, damos as costas à causa
    Até o dia em que meus tios possam estar unidos por lei
    Crianças andam pelos corredores
    Atormentadas pela dor em seus corações
    Um mundo tão odioso que alguns preferem morrer a ser quem eles são
    E um certificado de papel não vai resolver tudo
    Mas é bom lugar pra começar
    Nenhuma lei vai nos mudar, nós temos que nos mudar
    Seja qual for o deus em que você acredita, nós viemos do mesmo
    Deixe o medo de lado, por baixo de tudo, é tudo o mesmo amor
    Já é tempo de erguermos a voz

    [REFRÃO] 
    E eu não posso mudar
    Mesmo se eu tentasse...

    O amor é paciente, amor é bondoso
    O amor é paciente, amor é bondoso (Sem choros aos domingos)
    O amor é paciente (Sem choros aos domingos)
    O amor é bondoso (Eu não choro mais aos domingos)
    O amor é paciente (Sem choros aos domingos)
    O amor é bondoso (Eu não choro mais aos domingos)
    O amor é paciente (Eu não choro mais aos domingos)
    O amor é bondoso (Eu não choro mais aos domingos)
    O amor é paciente, amor é bondoso




    filoparanavai 2014

    Nenhum comentário:

    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...