http://filoparanavai.blogspot.com.br/

domingo, 6 de dezembro de 2015

FILOPARANAVAI JUNTA-SE À LUTA CONTRA O GOLPE!!!

#DilmaFica #NaoVaiTerGolpe 

O Brasil vive um dos momentos mais tenebrosos de sua história desde os mais de 20 anos de Ditadura Militar. É necessário que Filósofos, Cientistas, Artistas, Políticos, Trabalhadores em geral, Estudantes, enfim, todos os cidadãos de bem desse país, abracem a Democracia e lutem por ela. 

As elites econômicas manipulando parte da população por meio de sua mídia podre e golpista Globo, Band, Record, SBT, Veja, Época, Folha, O Globo, O Estadão, e outras; por meio de partidos políticos reacionários e defensores dos interesses dos mais ricos liderados pelo PSDB, DEM e PPS; pseudos movimentos sociais reacionários e de direita facista e nazi como os "Revoltados Online", "Vem pra Rua" e "Brasil Livre"; pregam o caos políticos e econômico a fim de que a direitona reacionária tome o governo federal e acabe com as inúmeras conquistas de Lula e Dilma para o povo brasileiro. Nosso povo despolitizado e alienado não percebe que querem derrubar nossa presidenta justamente porque ela combate a corrupção. 

São justamente políticos denunciados e/ou respondendo processos por corrupção que mais agem em favor do impedimento da presidenta.

Todas as organizações sérias do país e que possuem história de luta por direitos aos trabalhadores estão contra o impeachment de Dilma; CNBB, CONIC, OAB, MST, UNE, UBES, CUT e outras organizações da sociedade civil já se posicionaram contra aquilo que não passa de um golpe de morte à democracia. É hora dos brasileiros e brasileiras conscientes politicamente do golpe armado pela direitona colocar-se contra mais essa tentativa. 

VAMOS TOMAR AS RUAS E MOSTRAR QUE OS GOLPISTAS NÃO PASSARÃO... 

POR DILMA E PELA DEMOCRACIA! 
PELO POVO BRASILEIRO! 

VISITE A PÁGINA DO "GOLPE NUNCA MAIS" E CURTA! VISITE-A TODOS OS DIAS PARA ACOMPANHAR O DESDOBRAMENTO DESSA GRAVE CRISE POLÍTICA QUE ATRAVESSAMOS... 

DE CLIQUE AQUI: 

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

DILMA RESPONDE GOLPISTAS: GOLPE NÃO VAI PROSPERAR. DILMA FICA!

 #‎NãoVaiTerGolpe‬ ‪#‎DilmaFica‬
VOU CONFESSAR QUE O QUE ME PREOCUPAVA HOJE NÃO ERA O CORRUPTÃO DO CUNHA ACEITAR O PROCESSO DE IMPITIMIN CONTRA A DILMA, ERA NÃO!!!


O que me preocupava era o PT - Partido dos Trabalhadores e a base do governo aceitar a chantagem e livrar a cara desse corruptão do Cunha na Comissão de Ética da Câmara.O PT fechou voto pela cassação desse corrupto... Fiquei com medo de um PT traidor do povo! Mas não, esse é o PT do qual não sou filiado mas do qual sou simpatizante e que ao longo de minha vida conferi meus votos em todas as eleições que participei.

DILMA MOSTROU HOJE SER UMA MULHER DE CARÁTER INCONTESTÁVEL!

HOJE VOU DORMIR ALIVIADO E FELIZ, COM A CERTEZA DE QUE TEMOS O MELHOR PARTIDO POLÍTICO DO MUNDO AQUI NO BRASIL - O PT - PARTIDO DOS TRABALHADORES, um partido de fibra e de compromisso com o povo brasileiro. Obrigado PT por demonstrar correspondência a minha confiança!

Votei 13 e continuarei votando...
A DILMA FICA! O CUNHA SAI!

#NãoVaiTerGolpe
Meu passado e meu presente atestam a minha idoneidade e meu inquestionável compromisso com as leis e a coisa pública.
Posted by Dilma Rousseff on Quarta, 2 de dezembro de 2015

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

TEMA PARA PAINEL SEGUNDAS SÉRIES, ÉTICA E VIOLÊNCIA: "PENA DE MORTE"

Contador de visitas 




                        



DICAS DE SITES
PARA DESENVOLVIMENTO DE PESQUISA
CONTEÚDOS ORIENTADOS PARA AS SEGUNDAS E TERCEIRAS SÉRIES


BAIXE ESSES ARQUIVOS EM SEU COMPUTADOR:
[Quando tiver opções, escolha um dos formatos de sua preferência]


1. Constituição da República Federativa do Brasil - 1988  [FORMATO Áudio MP3]
1. Constituição da República Federativa do Brasil - 1988  [FORMATO PDF]



4. Declaração Universal dos Direitos Humanos - 1948 [FORMATO PDF]

5. Declaração Universal dos Direitos Humanos - 1948 [FORMATO HTML]

6. A REDAÇÃO NO ENEM - Guia do Participante [guia_participante_redacao_enem_2013.pdf

7. RELATÓRIO 2013 SOBRE DIREITOS HUMANOS DA ANISTIA INTERNACIONAL [http://files.amnesty.org/]




 TEMA
PENA DE MORTE



Sugestões links para leituras e de links para vídeos sobre o tema: 
PENA DE MORTE: 10 tipos de penas de mortes [http://noticias.terra.com.br/

PESQUISA GERAL NO SITE DA ONU/BR: Assunto = Pena de Morte  [http://www.onu.org.br/
VÍDEOS SOBRE O TEMA 
 
CONTÉM CENAS INADEQUADAS PARA MENORES DE 14 ANOS

Quem disse que não existe pena de morte no Brasil? Conheça as exceções em que ela pode ser aplicada [http://noticias.r7.com/
Pena de morte é banida em dois novos países a cada ano. Ativistas comemoram avanços, mas 30% dos Estados continuam executando condenados [http://noticias.r7.com/
Com mil execuções por ano, mais de 20 países ainda usam a pena de morte. Saiba mais [http://noticias.r7.com/
Diferentemente dos homens, mulheres vão para corredor da morte por "crimes" sexuais [http://noticias.r7.com/
Aqui a corrupção leva à morte: saiba quais países condenam corruptos com a pena capital [http://noticias.r7.com/

PESQUISA 2012: Brasileiros aprovam pena de morte ou prisão perpétua para estupradores [http://exame.abril.com.br/
Mitos e fatos sobre a pena de morte - MITO: A pena de morte previne o crime violento e torna a sociedade mais segura...[http://www.amnistia-internacional.pt/
PENA DE MORTE: ONDE TEM? [http://super.abril.com.br/]

INFORME 2013 - ANISTIA INTERNACIONAL O ESTADO DOS DIREITOS HUMANOS NO MUNDO [http://files.amnesty.org/
  
Relatório da Anistia Internacional mostra n.º de execuções de pena de morte no mundo [http://blogs.estadao.com.br/ ]

Veja aqui mapa interativo sobre as execuções em 22 países 
[ http://www.estadao.com.br/]





Filoparanavai 2015

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Sugestão de LINKS para Primeira Série _ Teoria do Conhecimento: Correntes Filosóficas

Contador de visitas



DICAS DE SITES
PARA DESENVOLVIMENTO DE PESQUISA
CONTEÚDOS ORIENTADOS PARA AS PRIMEIRAS SÉRIES

TEORIA DO CONHECIMENTO:
AS CORRENTES FILOSÓFICAS


1. A CORRENTE FILOSÓFICA DO RELATIVISMO
Link 1
Dê um clique aqui e Acesse (Relativismo)
Link 2
Dê um clique aqui e Acesse (Relativismo)
Link 3
Dê um clique aqui e Acesse (Relativismo)

1.1 O relativismo na concepção de Protágoras
Link 1 Dê um clique aqui e Acesse (PROTÁGORAS DE ABDERA)
Link 2
Dê um clique aqui e Acesse (PROTÁGORAS DE ABDERA)

2. A Corrente Filosófica do Dogmatismo
Link 1 Dê um clique aqui e Acesse (Dogmatismo)
Link 2
Dê um clique aqui e Acesse (Dogmatismo)
Link 3
Dê um clique aqui e Acesse (Dogmatismo)

2.1 O Dogmatismo Segundo a concepção de Kant
Link 1
Dê um clique aqui e Acesse (I. KANT)
Link 2
Dê um clique aqui e Acesse (I. KANT)
Link 3
Dê um clique aqui e Acesse (I. KANT)

3. A Corrente Filosófica do Ceticismo
Link 1 Dê um clique aqui e Acesse (Ceticismo)
Link 2
Dê um clique aqui e Acesse (Ceticismo)

3.1 O Ceticismo na concepção de Montaigne
Link 1
Dê um clique aqui e Acesse (Montaigne)
Link 2
Dê um clique aqui e Acesse (Montaigne)
Link 3
Dê um clique aqui e Acesse (Montaigne)

4. A Corrente Filosófica do Racionalismo
Link 1
Dê um clique aqui e Acesse (Racionalismo)
Link 2
Dê um clique aqui e Acesse (Racionalismo)
Link 3
Dê um clique aqui e Acesse (Racionalismo)

4.1 O Racionalismo na Concepção de Descartes
Link 1 Dê um clique aqui e Acesse (Descartes)
Link 2
Dê um clique aqui e Acesse (Descartes)
Link 3
Dê um clique aqui e Acesse (Descartes)

5. A Corrente Filosófica do Empirismo
Link 1
Dê um clique aqui e Acesse (Empirismo)
Link 2
Dê um clique aqui e Acesse (Empirismo)
Link 3
Dê um clique aqui e Acesse (Empirismo)

5. O Empirismo na Concepção de LOCKE
Link 1 Dê um clique aqui e Acesse (LOCKE)
Link 2
Dê um clique aqui e Acesse (LOCKE)
Link 3
Dê um clique aqui e Acesse (LOCKE)

6. A Corrente Filosófica do Criticismo
Link 1
Dê um clique aqui e Acesse (Criticismo)
Link 2
Dê um clique aqui e Acesse (Criticismo)
Link 3
Dê um clique aqui e Acesse (Criticismo)

6.1 O Criticismo na concepção de Kant
Link 1 Dê um clique aqui e Acesse (Kant)
Link 2
Dê um clique aqui e Acesse (Kant)
Link 3
Dê um clique aqui e Acesse (Kant)

Filoparanavai 2015

SIMULADO GRÁTIS ENEM - 2015

 
Olá, estudante
APROVEITE ESSA OPORTUNIDADE 
E PREPARE-SE PARA O ENEM 2015!


A EMPRESA BRASIL DE COMUNICAÇÃO - EBC - preparou um banco que reúne todas as questões do Enem de 2009 a 2014 para você testar seus conhecimentos e se preparar melhor para a prova. No sistema você poderá escolher quais áreas do conhecimento quer estudar. O banco vai selecionar as questões para você de maneira aleatória.Você pode fazer o login via sua conta no facebook ou cadastrando-se. Desejo bons simulados aí pra você!  

ACESSE A PÁGINA DA EBC 
DANDO CLIQUE NO SEGUINTE ENDEREÇO: 


REDAÇÃO ENEM: 
Professores dão dicas para uma boa redação no Enem 
De Clique Aqui

VEJA TAMBÉM:
Outras dicas para a prova e redação ENEM
 http://filoparanavai.blogspot.com.br/enem-2014





SIMULADOS GRÁTIS ONLINE PORTAL DIA A DIA 
Biologia-Física-Geografia-História-Inglês-Matemática-Português-Química DE CLIQUE AQUI


Dicas de redação 

Listas das obras indicadas nos principais vestibulares das faculdades e universidades estaduais e federais do Brasil. 

Apostilas e vídeoaulas do programa Eureka. 

Série de Links com dicas de sites com conteúdos para ENEM e Vestibulares DE CLIQUE AQUI

GABARITANDO ENEM
 
filoparanavai 2015

AÉCIO NEVES CORRUPTO? Alberto Youssef confirma que sim... Dois áudios esclarecedores sobre o comportamento nada exemplar do líder do golpe contra a democracia no Brasil...


Pra ver e ouvir.
Posted by Soldadinho de chumbo on Terça, 25 de agosto de 2015

CPI DA PETROBRÁS: DELATOR CONFIRMA QUE AÉCIO RECEBEU PROPINA NO ESQUEMA DE FURNAS. PIMENTA COBRA QUE SENADOR TUCANO SEJA...
Posted by Paulo Pimenta on Terça, 25 de agosto de 2015
AÉCIO GANHOU O MUNDO NESSA TERÇA - 25/08/15 VEJA A REPERCUSSÃO INTERNACIONAL

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

NÃO VAI TER GOLPE!


RECADO AOS GOLPISTINHAS DA DIREITA PODRE E FEDORENTA DO BRASIL: 
"Jamais cogito renunciar"


sábado, 13 de junho de 2015

RELIGIÃO E ESTADO LAICO: PASTORA DEFENDE CONTEÚDO DE 'EDUCAÇÃO DE GÊNERO E SEXUALIDADES" EM ESCOLAS

Os municípios e estados estão discutindo seus planos municipais ou estaduais de educação. Há uma grande incursão de grupos religiosos fundamentalistas contra a "educação de gênero e sexualidades nas escolas". 

FAZEM AFIRMAÇÕES ABSURDAS COMO:

1. Ao trabalharem conteúdos da "ideologia de gênero", conceitos imprecisos inventados por eles, os professores estariam incentivando as crianças e adolescentes a mudarem de sexo e/ou a trocarem de orientação sexual; 

2. Que os professores estariam ensinando pornografia; 

3. Que os professores estariam ensinado a homossexualidade que vai contra a natureza [heterossexualidade, sexo procriativo];

4. Que os professores estariam destruindo a família tradicional.

Não vou perder tempo nesse momento para contra-argumentar contra tanta ignorância porque farei isso em outro post daqui uns dias. Mas me surpreende ver tantos pastores, padres e até mesmo o bispo de minha cidade de origem, fazerem essas afirmações tão imbecis e descabidas do mínimo de bom senso e criticidade.

Na atualidade, no Brasil, os segmentos religiosos fundamentalistas ou fanáticos, como queiram denominar, têm crescido assustadoramente. O Brasil é laico há pouco mais de 100 anos, mas essa hoste de padres, pastores, bispos, vem crescendo em poder ao tomarem muitos dos assentos no Congresso Nacional, nas assembleias legislativas dos estados e câmaras municipais. Isso tem facilitado a infestação das mídias, por meio da conquista fácil de concessões públicas, com essa gente que vende uma fé de retorno fácil como negócio e ainda, quando se trata de temas no campo da ética e moralidade são os algozes das minorias ao se posicionarem de forma preconceituosa e discriminatória, utilizando-se de condenações fundadas em passagens bíblicas; transpondo elementos morais e culturais de um povo milenar da antiguidade para os dias de hoje. Arrogam-se como porta vozes de Deus, como se Deus lhes houvessem concedido algum tipo de procuração para falarem em nome dele.

Essa gente beira os limites da insanidade. 
Acríticos totalmente.

Mas não vamos confundir essa gente com os bons religiosos, aqueles que têm bom senso, têm humanidade suficiente para respeitar as diferenças sem preconceito e sem discriminação, que conseguem ter uma visão crítica do mundo e sabem muito bem qual é o seu lugar e seu papel, como cristãos, para transformarem as realidades de morte, de violência, que nosso povo enfrenta todos os dias.

É por isso que quando encontro essas pessoas me surpreendo, e fico feliz de saber que ainda temos cristãos de verdade.


Secretária Geral do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil, a pastora Romi Bencke destaca importância da abordagem de questões de gênero na educação e analisa ações de grupos religiosos conservadores: "não podemos mais dizer o que é um modelo de família aceitável ou não aceitável. Se em uma determinada família há amor, respeito, carinho e diálogo, pode-se dizer que ali existe uma família".

Grupos religiosos conservadores têm pressionado para que os Planos de Educação de estados e municípios de todo o país não contenham qualquer meta ou estratégia que promova a igualdade de gênero em seus textos. Ao analisar a ação destes setores e a importância de atividades relacionadas a esta temática, a secretária Geral do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (Conic), a pastora Romi Bencke classifica como essencial a abordagem destas questões para o combate à violência e contra a exclusão escolar.

Documentos que devem ser construídos de maneira participativa e democrática, os Planos Municipais e Estaduais de Educação devem ser elaborados até junho deste ano, contendo metas e estratégias para garantir o direito à educação para a população de uma determinada cidade ou estado nos próximos dez anos.

“É lamentável e, ao mesmo tempo, assustador, que a violência contra a mulher não gere indignação. São casos e mais casos todos os dias e fica por isso mesmo. A mudança de cultura é gradativa, mas precisamos começar a falar abertamente sobre estes temas para substituirmos uma concepção de mundo patriarcal por uma visão de mundo diversificada. Essa conversa é necessária em todos os espaços, especialmente nas escolas”, destaca a pastora.

Sobre a ação dos grupos que têm feito pressão sistemática para que a palavra “gênero” sequer esteja mencionada nos Planos, Romi Bencke acredita que eles possuem dificuldade em aceitar as transformações da sociedade. “Há uma dificuldade em aceitar que nos tempos de hoje não cabe mais à religião normatizar a vida das pessoas. Lidar com as autonomias é difícil, mas as religiões precisam aceitar isso. A liberdade humana é um valor que também se relaciona com a fé”, defende.

Leia abaixo a entrevista completa com a pastora e Secretária Geral do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (Conic), Romi Bencke:]

A abordagem de questões relacionadas ao gênero tem gerado polêmica na construção dos Planos de Educação em diferentes cidades do país. Como você avalia a abordagem destas temáticas nos Planos de Educação e, também, nas escolas?

A abordagem das questões relacionadas a gênero é essencial. É importante que educadores e educadoras sejam preparadas para abordar esses temas de forma madura e inclusiva.


O Brasil é um país em que a violência está inserida no cotidiano e um número significativo de casos tem motivação sexista. Esse é o caso da violência contra a mulher e a população LGBTTs. É lamentável e, ao mesmo tempo, assustador, que a violência contra a mulher não gere indignação. São casos e mais casos todos os dias e fica por isso mesmo.

É necessária uma mudança cultural e a educação tem um papel estratégico nisso. A mudança de cultura é gradativa, mas precisamos começar a falar abertamente sobre estes temas para substituirmos uma concepção de mundo patriarcal por uma visão de mundo diversificada. Essa conversa é necessária em todos os espaços, especialmente nas escolas. Em nosso país prevalecem valores tradicionais que tendem a reforçar relações de poder desiguais e opressivas. Problematizar tais valores é também uma tarefa da educação.

Como realizar atividades realizadas à questão de gênero pode influenciar na garantia do direito à educação?

A partir do momento em que o tema da diversidade for efetivamente trabalhado nas escolas, teremos dado passos concretos para a mudança de percepção de mundo. Para isso, podemos olhar para os valores presentes em décadas anteriores e compará-los com a atualidade de maneira que as pessoas vejam que a história é dinâmica. Nos últimos anos, o Brasil deu passos importantes para a superação da desigualdade econômica e precisamos agora dar outros para a superação de todas as formas de preconceito e discriminação.

Há muitas histórias de alunos que não querem mais ir à escola porque sofrem discriminações as mais variadas. É uma forma de evasão escolar que precisa ser superada. A escola precisa ser um espaço de exercício de democracia e convívio com o diferente. Um lugar aberto, que promova discussões aprofundadas sobre todos os temas. Isso é formar cidadãos e cidadãs.

Como pastora, como você avalia a posição dos grupos religiosos que têm se posicionado contra a abordagem das questões de gênero no ambiente escolar?

Uma das funções da religião é a preservação de tradições, no entanto, essa tarefa precisa ser feita em diálogo com o contexto histórico e social no qual se vive. Os papéis de gênero mudaram de forma muito forte e rápida. Logo, mudam também os papéis sociais dos homens e mulheres.

Os modelos de família de hoje são diferentes dos modelos de família do início do século XX, por exemplo. Não podemos mais dizer o que é um modelo de família aceitável ou não aceitável. Se em uma determinada família há amor, respeito, carinho e diálogo, pode-se dizer que ali existe uma família, independentemente ser forem dois homens, duas mulheres, uma mulher ou um homem. Agora, se em uma família tivermos desrespeito, agressões, dominação de poder, etc, pode-se dizer que ali temos uma família com problemas, independentemente de quem a compõe. É isso que a religião deveria avaliar e contribuir positivamente para transformar: as relações humanas. Contribuir positivamente para uma cultura de paz.

Nos grupos que atuam fortemente contra os temas de gênero percebo que há uma resistência em aceitar as transformações que ocorreram na sociedade e, em muitas delas, de maneira rápida. As mudanças desestabilizam. Para reencontrar a segurança, para manter o mundo organizado, é necessário apegar-se às concepções que causam sensação de segurança. Outra compreensão é a de que há uma dificuldade em aceitar que nos tempos de hoje não cabe mais à religião normatizar a vida das pessoas. Lidar com as autonomias é difícil, mas as religiões precisam aceitar isso. A liberdade humana é um valor que também se relaciona com a fé.

Muitos destes grupos criticam o que chamam de "ideologia de gênero". O que este termo significa?

Ideologia é um conjunto de crenças e ideias que constituem a visão de mundo de um determinado grupo ou classe social. As práticas e valores sociais podem corresponder a uma ideologia, mas não são eles próprios uma ideologia. A ideologia é sempre uma representação social do mundo em um sentido mais amplo.
Assim, as relações de gênero e as suas representações sociais podem expressar parte de uma determinada ideologia. O que temos historicamente observado é que valores patriarcais têm fundamentado as relações de gênero. Por sua vez, tais valores pertencem a uma ideologia dominante.

Quando grupos propõe o debate sobre as relações de gênero e reivindicam mudanças estão problematizando uma ideologia que tem dominado e contribuído para relações humanas pautadas na desigualdade de poder entre os gêneros. A problematização das relações de poder é fundamental para que novas relações humanas e sociais sejam forjadas.

FONTE: reproduzido de http://www.brasildefato.com.br/

sábado, 16 de maio de 2015

HOMOFOBIA É CRIME! DENUNCIE!

Saiba como identificar atos homofóbicos;
Saiba como denunciar atos homofóbicos.

 



Muitas vítimas de homofobia sentem-se impelidas a reprimir sua orientação sexual, seus hábitos e seus costumes, sendo freqüente a ocorrência de casos de depressão. É importante salientar que todo ser humano, independente de sua sexualidade, tem o direito ao tratamento digno e a um modo de vida aberto à busca de sua felicidade. A procura de ajuda psicológica e da Justiça é essencial para que a discriminação homofóbica afete da menor maneira possível a vida das vítimas.

A Constituição Federal brasileira não cita a homofobia diretamente como um crime. Todavia, define como “objetivo fundamental da República” (art. 3º, IV) o de “promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade, ou quaisquer outras formas de discriminação”. É essencial ter consciência de que a homofobia está inclusa no item “outras formas de discriminação” sendo considerada crime de ódio e passível de punição.

Através da Lei Estadual 10.948/2001, o estado de São Paulo estabeleceu diferentes formas de punição a diversas atitudes discriminatórias relacionadas aos grupos de pessoas que tem manifestação sexual perseguida por homofóbicos e intolerantes. Atualmente está em tramitação no Congresso o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 122/2006 que tem como proposta a criminalização da discriminação gerada por diferentes identidades de gênero e orientação sexual.

Como Identificar 
A expressão homofóbica pode se dar das mais variadas formas. Em alguns casos a discriminação pode ser discreta e sutil, entretanto, muitas vezes, o preconceito se torna evidente com agressões verbais, físicas e morais. Qualquer que seja a forma de discriminação é importante a vítima denunciar o acontecido. A orientação sexual não deve, em hipótese alguma, ser motivo para o tratamento degradante de um ser humano. o agressor costuma usar palavras ofensivas para se dirigir à vítima ou aos LGBTI como um todo;

muitas vezes o agressor não reconhece seu preconceito e trata as ocorrências de discriminação como brincadeiras;

é comum o agressor fazer uso de ofensas verbais e morais ao se referir às minorias sexuais; a agressão física ocasionada pela homofobia é comum e envolve desde empurrões até atitudes que causem lesões mais sérias, como o espancamento;

o agressor costuma desprezar todas as formas de comportamento da vítima, considerando-os desviantes da normalidade;

o homofóbico costuma se dirigir à vítima como se esta fosse inferior, nojenta, degradante e fora da normalidade;

é costume do homofóbico a acusação de que as minorias sexuais atentam contra os valores morais e éticos da sociedade;

o agressor costuma ficar mais agressivo ao ver explícitas demonstrações amorosas ou sexuais que fogem ao padrão heteronormativo (por exemplo: mãos dadas, beijos e carícias)

o agressor costuma negar serviços, promoção em cargos empregatícios e tratamento igualitário às vítimas;

Como Denunciar?

Não há justificativas para qualquer tipo de discriminação causada pela homofobia. Os LGBTI têm direito à expressão amorosa e sexual, e a explicitação desta não é desculpa para um comportamento agressivo. É muito importante denunciar qualquer tipo de atitude homofóbica. Toda Delegacia tem o dever de atender as vítimas de homofobia e de buscar por justiça. Além de ser um direito, é dever de todo cidadão denunciar esse tipo de ocorrência. Através da denúncia protege-se não apenas uma vítima, mas todo um grupo que futuramente poderia ser atacado.

A vítima deve exigir seus direitos e registrar um Boletim de Ocorrência. É de essencial importância buscar a ajuda de possíveis testemunhas na luta judicial a ser iniciada. Em caso de agressões físicas, a vítima não deve lavar-se nem trocar de roupa, já que tais atos deslegitimariam possíveis provas que devem ser buscadas através de um Exame de Corpo de Delito (a realização desse exame é indispensável). Se a violência acontecer através de danos à propriedade, roupas, símbolos, bandeiras e etc, deve-se deixar o local e os objetos da maneira como foram encontrados para que as autoridades competentes possam averiguar legitimamente o acontecido. 

DISCRIMINAÇÃO HOMOFÓBICA, DENUNCIE JÁ DISQUE 100


SAIBA MAIS AQUI: 
http://www.guiadedireitos.org/
 

  



filoparanavai 2015
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...